domingo, 29 de julho de 2012

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Quatro filmes pernambucanos na seleção do 23º Festival Internacional de Curtas Metragens de São Paulo pernambuco.com

Foi divulgada nesta quarta-feira (18/07) a lista dos filmes selecionados para a 23º edição do Festival Internacional de Curtas Metragens de São Paulo - Curta Kinoforum, um dos maiores e mais tradicionais eventos dedicados ao formato do curta metragem no mundo. 

Na seleção dos curtas brasileiros, quatro são pernambucanos. São eles: Dia estrelado, de Nara Normande;Porcos raivosos, de Leonardo Sette e Isabel Penoni; A vida plural de Layka, de Neco Tabosa; e A vida noturna das igrejas de Olinda, de Mariana Lacerda.

Clique aqui para ler a lista completa de curtas-metragens nacionais selecionados 

Em entrevista após o anúncio, Leonardo Sette disse estar muito feliz, uma vez que "o festival é provavelmente o mais importante do gênero no país em termos de visibilidade", além de ser "uma poderosa vitrine que atrai bastante público, jornalistas, críticos e curadores de outros festivais, inclusive do exterior". Será a primeira exibição do filme no Brasil (já exibido nos festivais de Cannes e Sarajevo, deste ano).

Neste ano, o evento acontece entre os dias 23 e 31 de agosto. O Curta Kinoforum é dirigido pela produtora cultural Zita Carvalhosa, sendo organizado pela Associação Cultural Kinoforum, entidade sem fins lucrativos que realiza atividades e projetos ligados à produção cinematográfica, sublinhando a promoção do audiovisual brasileiro.

terça-feira, 17 de julho de 2012

A vida plural de Layka no 23º Festival Internacional de Curtas Metragens de São Paulo - Curta Kinoforum

Mostra Brasil 10
26/08 - 22:00 - CineSESC (Rua Augusta, 2075 - Cerqueira César)
28/08 - 20:00 - Cine Olido (Av. São João, 473 - Centro)
29/08 - 19:00 - Cinemateca Sala BNDES (Lgo Senador Raul Cardoso, 207 - V.Mariana)


mostra Blow Up de filme explosivos











segunda-feira, 16 de julho de 2012

'divulgação interna', arte de Greg (quem mais?)



caderno C - 16/07/2012


e uma linha de Ernesto Barros

"No curta A vida plural de Layka, neco tabosa reuniu um time de animadores para sua particular imersão no imaginário masculino e suas loucas fantasias sexuais"


Luiz Joaquim, seu lindo!

"A “explosão” em “Layka” es­tá disfarçada ora na falsa calma­ria do pai de família que sofre para pagar as contas e manter a ordem em casa, ora na agitação sexual de um jovem já entediado com a idiossincrasia das mulheres. Essa ten­são só dá folga aos dois quan­do eles encontram a cadelinha. Sempre receptiva, de olhos convidativos e sem julgar nada Layka é a própria liberdade. 

Anunciado como o primeiro filme pernambucano adaptado de HQ - das obras “Fragmentos de Josael” e “Pensei que era livre”, “Layka”, é muito mais que isso. Em sua mistura de técnicas - live action, animação 3D, 2D, fotografias - para narrar os poderes de uma cachorra, Tabosa mostrou talento em reunir bons técnicos e tirar deles o que precisava para encontrar boas soluções plásticas e assim criar um ambiente visual atraente, que traduzisse a realidade dos dois frustrados da história."

sexta-feira, 13 de julho de 2012

quarta-feira, 4 de julho de 2012

arte: Ianah Maia


arte da grande Ianah Maia!
presentaço que Layka acabou de ganhar
...junto com o convite de Maria Cardoso e Pedro Severien pra uma onda aí que vai rolar no dia 16/07. fiquem ligados!